FolhaPress Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Renan Calheiros

Com a votação sobre a suspensão do decreto de armas, o senador Renan Calheiros voltou a se posicionar nas redes sociais afirmou que vai continuar contra a agenda da morte.

O manicômio continua frenético. Agora dá armas à população para formar milícias. Isso rebaixa a Presidência, desafia o Congresso, o Supremo e insulta Forças Armadas e polícias”, escreveu Calheiros.