Foto: Cortesia Deic Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Um dos carros importados que o acusado usava

A Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deicdivulgou nesta quarta-feira (22) a relação dos bens apreendidos com o traficante Claudemir Francisco Maciel, conhecido como Deivinho, de 33 anos, entre carros de luxos, material para arrombar bancos e produtos para o refino da cocaína.

Deivinho era considerado o “Nº 1” do tráfico de Maceió e mantinha uma vida luxuosa no bairro da Ponta Verde. Com ele foram apreendidos mais de 20kg de cocaína pura e aproximadamente 200kg de produtos químicos utilizados para refinamento de entorpecentes.

Além disso, o acusado tinha em sua posse um vasto material de corte e arrombamento de cofres bancários; uma maleta jammer de última geração para bloqueio de sinais de alarmes e sensores, e uma pistola .40 subtraída do patrimônio da Polícia Civil de Alagoas.

De veículos, Deivinho tinha uma Land Rover Evoque branco, uma Land Rover Evoque azul; um Chevrolet Camaro, uma moto BMW F800R, um Jeep Renegade, um Chevrolet Cruze; um Uno Vivac, um Ford Ka, uma Honda Biz.

Os imóveis de propriedade do acusado eram um apartamento na Ponta Verde, outro em Jaboatão dos Guararapes/PE, uma casa no Eustáquio Gomes e duas no bairro de Bom Parto, além de uma padaria usada para a lavagem do dinheiro. Todo material apreendido será encaminhado à Justiça.