Cortesia assessoria Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Fórum da Capital, no Barro Duro

O réu Luiz Carlos de Lima Ramos, acusado de tentativa de homicídio contra Gilberto Costa de Carvalho, será julgado nesta terça-feira (21), pela 9a Vara Criminal da Capital. O juiz Geraldo Cavalcante Amorim conduz o júri popular, a partir das 13h.

De acordo com os autos, o réu atingiu a vítima com golpes de faca peixeira, em via pública, no dia 18 de julho de 2015, no bairro do Vergel do Lago. O crime teria acontecido devido a um relacionamento de Gilberto Costa com a ex-mulher do acusado.

Gilberto Costa confirmou ter tido um relacionamento com a ex-mulher do réu, mas ocorrido quando a mulher já estava solteira. Em depoimento, a vítima disse que se não tivesse sido ágil em desviar das facadas, provavelmente teria morrido. Ele ainda acusou o Luiz Carlos de espancar a esposa com frequência.

Questionado, Luiz Carlos admitiu o ataque, mas alegou que interrompeu as agressões por vontade própria. Também afirmou ter sido agredido verbalmente por Gilberto, que teria lhe chamado de “corno”. O réu será julgado por tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil.