Divulgação/ Batalhão de Polícia Ambiental (BPA) Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Uma ação do Batalhão de Polícia Ambiental (BPA) resultou na apreensão de 208 pássaros silvestres neste domingo (19) no bairro do Tabuleiro dos Martins, em Maceió, e também no interior do Estado, nas cidades de Arapiraca, Taquarana e Maribondo. De acordo com informações passadas pelo BPA, houve o crime ambiental após as aves serem mantidas em cativeiro e sendo expostas à venda espécimes da fauna silvestre sem haver permissão de um órgão competente.

Ainda de acordo com o Batalhão Ambiental, Galo-da-campina, Jesus- meu-Deus, Tiziu, Canário-da-terra , Craúna, Garibaldi e Saíra-sete-cores foram algumas das aves resgatadas na operação.

Durantes as fiscalizações, o BPA informou que os policiais encontraram pássaros silvestres expostos à venda nas localidades da feira do Tabuleiro dos Martins, na capital, e nas feiras de Maribondo e Arapiraca.

Em Taquarana, foram encontradas mais aves silvestres em árvores sem a presença de ninguém por perto, o que dificultou saber quem era o responsável pelos animais. Os pássaros foram apreendidos e levados ao Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) do Ibama.