Foto: PC/AL 3c7022d8 d3f2 4b11 9a72 c48fff66189c Delegacia Regional de União dos Palmares

Um homem acusado de estuprar a própria filha, uma adolescente de 14 anos, foi preso na tarde desta sexta-feira (19), em um ponto de ônibus no município de Santana do Mundaú, município da Zona da Mata alagoana. O suspeito já tinha mandado de prisão em aberto e se preparava para fugir.

Noberto Ferreira de Lima, 48 anos, foi denunciado na última segunda-feira (15), pelo Conselho Tutelar do município de União dos Palmares, onde o caso aconteceu, após a vítima revelar que sofria abusos do pai desde que tinha seis anos de idade.

Segundo informações policiais, a menina relatou que o pai inicialmente praticava atos libidinosos, mas quando ela tinha 11 anos o ato sexual aconteceu.

“A partir dos 11 anos, o pai forçou que ela tivesse relações sexuais com ele, pois, caso ela não aceitasse e revelasse a agressão, o mesmo fazia ameaças dizendo que mataria toda a família”, disse o delegado regional de União dos Palmares, Valter Nascimento.

Ainda segundo a polícia, os abusos sexuais aconteciam sempre na ausência da mãe da menina. Uma tia da menina desconfiou das atitudes de Noberto, em relação a filha, e conseguiu fazer com que a menina relatasse o caso e fizesse a denúncia.

No mesmo dia da denúncia, a menor foi encaminhada para fazer exames de conjunção carnal do Instituto Médico Legal (IML) e foi ouvida, no dia seguinte, na delegacia regional de União dos Palmares.

Já na quarta-feira (17), o pedido de prisão preventiva de Noberto foi aceito e expedido pela juíza Lívia Maria Mattos Lima, da 5ª Circunscrição da cidade de Passo do Camaragibe.

“De posse do mandado, a Polícia Militar de Santana do Mundaú capturou o autor, que se encontrava num ponto de ônibus, preparando-se para fugir”, disse o delegado Valter Nascimento.

Nesta sexta-feira (19), Noberto, que é diácono de uma igreja evangélica, escreveu uma carta para a esposa, confessando o crime e pedindo perdão pelo mal que causou a filha e a família.

O homem continua preso na delegacia regional de União dos Palmares, à disposição da Justiça.

 

*Estagiária sob supervisão da editoria