Foto: Agência Alagoas Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Fluxo de passageiros no Aeroporto Zumbi dos Palmares

Nos últimos dois anos a rede de hotéis em Maceió cresceu em 2.500 novos leitos e a vinda do visitante garantiu o aquecimento da economia em diversos setores ligados ao turismo, no entanto a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH Alagoas) destaca para a necessidade de um envolvimento maior da bancada federal dos parlamentares em Brasília atuar fortemente no crescimento do setor.

Segundo Milton Vasconcelos, representante da ABIH em Alagoas, um dos maiores desafios enfrentando pelo turismo no estado é a condição da malha aérea, que não possibilita uma maior circulação de passageiros.

Em entrevista ao Programa Bom Alagoas, Vasconcelos destacou que somente no mês de janeiro, o setor hoteleiro sentiu uma queda de 20%. “Queremos mostrar a bancada federal formas de como o turismo pode se tornar o principal seguimento de geração de emprego e renda na economia alagoana, que reúne 50 cadeias dos outros setores”, colocou ele.

A reunião entre os representantes da ABIH e os deputados federais alagoanos ocorre nesta sexta-feira (15). Ainda segundo Vasconcelos, o setor fez o seu papel em aumento a quantidade de leitos nos hotéis e agora é o momento da bancada federal mostrar que pode trazer emendas e incentivos para setor, principalmente no quesito de saneamento básico que tem uma das maiores reclamações dos turistas.