Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Comprar um carro novo é sinal de conquista, amadurecimento e a aquisição de um bem. É por isso que é necessário todos os cuidados básicos, a fim de garantir o bom funcionamento e evitar manutenções frequentes.

Não adianta você adquirir um carro que te traga conforto, bem-estar e segurança como os carros da citroen, por exemplo, e não realizar nenhum tipo de manutenção.

É por isso que após um certo tempo de uso, é necessário que seu veículo seja levado a um mecânico de confiança ou, de preferência, à concessionária que ele tenha sido adquirido para os devidos reparos.

No caso da Citroen, a concessionária citroen possui atendimento especializado e equipe técnica qualificada para identificar qualquer tipo de problema e garantir excelência do seu carro.

Mas, afinal, você sabe no que consiste a revisão e manutenção preventiva do seu veículo? Sabe a época correta de realizá-la? Confira algumas dicas!

O que é a revisão automotiva? 

Antes do veículo chegar à suas mãos, ele passa por uma série de testes práticos e de laboratório para esteja em perfeito estado de uso. Mas, ao sair da concessionária ele já está sujeito a intervenções climáticas, condições das estradas, vandalismo, acidentes e até mesmo o desgaste natural.

É por isso, que deve-se realizar a revisão do veículo como um todo, para verificar se os circuitos e as peças estão funcionando da maneira como deveriam estar.

Esse procedimento, realizado tanto em veículos 0km quanto seminovos, é responsável por garantir que pequenos defeitos sejam identificados e resolvidos, evitando gastos futuros.

Quando é o momento certo para realizar a revisão?

Existe um momento específico para realizar a revisão? O ideal e recomendado é realizá-la a cada 10 mil quilômetros ou a cada 6 meses. Mas, é sempre bom olhar o manual do proprietário para verificar as recomendações dadas pela concessionária/montadora.

É importante estar atento fielmente ao manual, porque nele constam algumas revisões que devem ser feitas na concessionária de acordo com a garantia de fábrica!

Na Citroen, por exemplo, você fica informado sobre o tempo correto e os valores correspondentes, pelo próprio site da montadora. Muita facilidade, não é?

Ainda sim, mesmo que você não use o carro constantemente, a revisão deve ser feita dentro desse período estipulado - isso porque alguns itens têm prazo de validade e precisam ser substituídos, como por exemplo, o óleo do motor.

Já nos casos de veículos que circulam frequentemente, recomenda-se ainda que a revisão e manutenção seja feita antes mesmo dos 10 mil quilômetros rodados.

Fique atento também ao seu veículo! Ele pode estar indicando a necessidade de revisão por meio de trepidações, falhas e desgastes.

O que deve ser avaliado nas revisões?

Quando a revisão é realizada na concessionária, ela segue alguns padrões para que nenhum procedimento seja esquecido. Na verdade, a empresa fabricante realiza todos os testes e estipula esse padrão para todos seus representantes.

A revisão do veículo envolve verificar itens como motor, freios, embreagem, suspensão, câmbio, fios e cabos elétricos, pneus, ar-condicionado, bateria e outros componentes.

Além da revisão do veículo, semanalmente ou mensalmente deve-se realizar a manutenção preventiva do mesmo. Nela, você passa a checar pontos como nível do óleo do motor, checagem e troca dos filtros de combustível, de ar, ar-

condicionado, luzes e toda elétrica, pneus, freios, alinhamento e balanceamento e nível da água do radiador.

Ao manter seu veículo sempre em ordem você economiza dinheiro e ainda aumenta a vida útil dele!