Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Depois da escolha do vestido, a maior dúvida de uma noiva recai sobre a definição da lingerie perfeita, afinal, é justamente essa peça que ajuda a manter o vestido no lugar, garantindo conforto e elegância absoluto da cerimônia e da festa.

Mas por quê não incluímos a noite de núpcias nessa lista de aproveitamento? Isso acontece porque não é regra que a lingerie usada com o vestido seja a mesma lingerie sensual da primeira noite do casal recém casados.

Na verdade, a orientação é que ambas sejam diferentes entre si, pois as intenções são completamente diferentes. Mas, então, o que levar em consideração para escolher a lingerie ideal para usar com o vestido de noiva?

O sutiã 

Cada recorte do vestido - e, principalmente o decote - combina com um modelo de sutiã. É por isso que deve-se sempre ter muito cuidado para não ficar visível próximo à região das axilas e nem nas costas. O ideal é fazer pelo menos uma prova do vestido com o sutiã escolhido!

Cada recorte do vestido - e, principalmente o decote - combina com um modelo de sutiã. É por isso que deve-se sempre ter muito cuidado para não ficar visível próximo à região das axilas e nem nas costas. O ideal é fazer pelo menos uma prova do vestido com o sutiã escolhido!

Por exemplo, se o vestido for tomara que caia e a noiva possuir seios volumosos, o ideal é procurar por sutiãs que concedem sustentação, como o sutiã tomara que caia da linha All Purpose da Valisere.

O modelo exclusivo da marca é fabricado com bojo de espuma sem enchimento e com aro abaixo dos seios. As barbatanas laterais em elástico com silicone na parte interna são essenciais para garantir conforto e suporte ao busto. Dessa maneira, a

noiva pode abraçar os convidados e dançar à vontade sempre precisar ajustar a peça.

Ainda vale destacar que alguns modelos de vestidos já possuem um suporte adequado para os seios, conforme o desenho da peça, dispensando o uso de um sutiã. Nestes casos, a noiva deverá se preocupar apenas com a calcinha ou até uma cinta modeladora.

A calcinha ou cinta liga 

Depois da escolha do sutiã, é hora de escolher a lingerie feminina com mais opções de modelos no mercado: as calcinhas. O setor da moda íntima disponibiliza desde a calcinha sexy até a clássica  calcinha de renda, todas muito delicadas e em tamanhos diferentes.

Um modelo que tem ganhado as passarelas e gavetas das mulheres é a calcinha cintura alta, também conhecida como hot pants. Além do charme, essa calcinha garante a cobertura e valorização do bumbum.

Porém, caso você opte por uma mais sensual, como a calcinha fio dental, que tal colocar um acessório que vai deixá-la ainda mais poderosa? Para isso, invista na cinta liga em renda. O modelo da linha I DO da Valisere possui recortes no quadril que deixam a peça ainda mais charmosa e a perna em formato harness veste como um shorts.

A cor 

Por último, mas não menos importante, leve em consideração a combinação de cores. Neste caso, a regra é: a cor da lingerie deve harmonizar com o a cor do vestido.

Geralmente, os tons que as noivas usam variam entre o branco, off white, marfim ou rosé sempre em tonalidades suaves para não correr o risco de aparecer sob o

vestido. Uma outra opção favorável é utilizar sutiãs, calcinhas, cintas ligas ou modeladoras da cor da pele, principalmente em tecidos mais leves e finos.

Agora que você já sabe as principais dicas, vá em busca da lingerie perfeita para usar com o seu vestido de noiva e caminhe até o altar confiante consigo mesma!